quarta-feira, julho 11, 2018

MOTEL QT | Teatro Nacional D. Maria II


Depois de sair do Teatro Nacional D. Maria II, assim que terminou a peça, a minha pergunta foi: «Porque é que eu não venho ao teatro mais vezes?». Infelizmente, não é algo que tenha hábito de fazer, e depois de ter visto o "Motel QT", arrependo-me de não fazer da visita ao teatro um hábito.

Tive a felicidade de poder ir assistir ao ensaio geral do "Motel QT", no Teatro Nacional Dona Maria II, um dia antes da sua estreia. A peça foi criada e interpretada por alunos da Escola Superior de Teatro e Cinema e visa homenagear Quentin Tarantino, baseando-se na filmografia do mesmo. Para ser sincera, não conheço o trabalho do senhor e fui desde logo avisada que, devido a esse facto, poderia não apreciar tanto a peça ou a sua história.

Bem, o eu não conhecer o contexto não foi, de todo, um motivo que me levou a não gostar da peça. Se eu vos disser que, de todas as peças de teatro a que eu já fui, esta foi uma das minhas preferidas, acreditam? O facto de ser uma peça mais «amadora» não tirou, de todo, o potencial à peça. Estava tudo fantástico, desde o cenário às personagens, que combinavam na perfeição com o figurino que as interpretava.

A sala é pequenina e os lugares são bastante limitados, mas a produção por detrás do "Motel QT" conseguiu fazer um excelente proveito do espaço, bem como uma excelente performance, cheia de expressividade e ação. Ah, e não esperem que as personagens sejam brandas na sua forma de expressar  haviam uma quantas velhinhas que lançavam um «ahhhh» muito admirado sempre que alguém dizia uma asneira ou uma expressão «menos apropriada». Mas, sinceramente, foi este à vontade, esta encarnação que tornou este espetáculo num espetáculo que dá vontade de repetir  aliás, a nossa vontade era ir outra vez!

Infelizmente, só têm até domingo, dia 15 de julho, para aproveitar esta ida, que prometo que superará quaisqueres espetativas  superou as minhas, sem dúvida! Para além de estarem a apoiar uma escola fantástica, com alunos realmente talentosos, estão também a alimentar o vosso bichinho cultural. Os bilhetes são baratinhos, mas a experiência com que ficam é muito valiosa. 

1 comentário

  1. Também penso sempre o mesmo, aliás por vezes também me pergunto "porque é que não vou fazer teatro?".

    Beijinhos,
    incontro-verso.blogspot.com

    ResponderEliminar

© all the bright places . Design by FCD.